MENU      
BUSCAR

Dia Mundial do Solo será celebrado com lançamentos e informação

A Embrapa Solos (Rio de Janeiro, RJ) se antecipou em um dia e comemora, em 04 de dezembro (sexta), o Dia Mundial do Solo, em live no canal da Empresa no YouTube a partir das 9h. Neste ano o tema da celebração é “Mantenha o solo vivo, proteja a biodiversidade do solo”.   

E uma das armas para manter o solo vivo é o Programa Nacional de Solos do Brasil (PronaSolos). No dia 04 serão apresentadas as principais entregas do Programa em 2020, como a versão 1.0 do Portal de Dados, uma solução para organização, sistematização e operacionalidade de dados da terra do Brasil. “Este portal vai mudar completamente a relação do cidadão com o solo, pelo conhecimento”, enfatiza o pesquisador José Carlos Polidoro.

As especificidades locais não serão esquecidas, e o lançamento do Guia de Campo da XIII Reunião Brasileira de Classificação e Correlação de Solos (RRC) do Maranhão vai jogar luz sobre a terra do estado. Durante a excursão técnica, quatorze perfis de solos das principais classes existentes no Maranhão e das que carecem de maior estudo para compreensão de sua gênese, caracterização e classificação, com relevante interesse para a estruturação do Sistema Brasileiro de Classificação de Solos, foram estudados por pesquisadores.

Já no campo da inovação acontecerá o lançamento do Radar Solos. O informativo “Radar Solos” da Embrapa Solos é uma iniciativa que tem como objetivo fomentar o processo de monitoramento do ambiente para identificar tendências, sinais e mudanças futuras nas temáticas “solos” e “água”, estimulando reflexões sobre o impacto deles na agricultura. “A criação desse instrumento visa incentivar a captação e análise de informações, compartilhamento de conteúdo relevante e visões de longo prazo. Composto por mini textos, o documento trata de temas importantes para Ciência do Solo abordando variáveis presentes e suas possíveis influências na construção do futuro”, esclarece a analista Livia Abreu Torres.

A segurança, a saúde e os serviços ecossistêmicos do solo também são importante aliados na biodiversidade da terra. No evento, será apresentada a atuação do portfolio de serviços ambientais na Embrapa. Quem vai falar sobre o assunto é a pesquisadora Rachel Bardy Prado. “Pretendo destacar a importância destas novas abordagens que tratam o solo como um sistema vivo, ressaltando os benefícios advindos da multifuncionalidade dos solos e chamando, portanto, a atenção da necessidade de tratá-lo com mais atenção, inserindo este componente do nosso capital natural nas agendas públicas e privadas”, revela a cientista

Em linguagem simples e com muitas ilustrações e infográficos o material de divulgação que o "Portfólio Serviços Ambientais" gerou traz o seu propósito, desafios de inovação, atuação da Embrapa e parceiros no âmbito da pesquisa e apoio às políticas públicas e importância do tema Serviços Ecossistêmicos para estabelecer diálogos e oportunidades para diferentes setores da sociedade.

Por fim, o homenageado da vez será o Programa de Análise de Qualidade de Laboratórios de Fertilidade (PAQLF), que completa 28 anos. “O PAQLF nasceu com cinco laboratórios do Rio de Janeiro, em 1992, e atualmente, é um ensaio de proficiência de âmbito nacional, com quase 150 laboratórios de todos os estados. Muitas novidades virão nos próximos 28 anos. Começando em 3... 2... 1.... agora!”, conclui um bem humorado Marcelo Saldanha, coordenador do PAQLF.

Fonte: Embrapa

image01
Endereço: SBS Qd 2 Bl A Ed Casa de São Paulo Sala 1106 Brasília-DF CEP 70.078-900 Redação: (61) 3039 1050 Comercial: (61) 3039 1258